Radiofrequência

02-04-2015

Meninas vamos conversar sobre Radiofrequência?

A Radiofrequência é um tratamento estético utilizado no combate à flacidez do rosto ou do corpo, rugas, linhas de expressão, gordura localizada, Celulite e estrias.

                   

Como funciona a radiofrequência

O aparelho eleva a temperatura da pele e do músculo para aproximadamente 41ºC e isto acelera contrai o colágeno existente e aumenta a produção de mais fibras, colágeno, dando mais sustentação e firmeza da pele. Os resultados podem ser observados logo na primeira sessão e o resultado é progressivo.

Para que serve a radiofrequência

A radiofrequência serve para:

• Diminuir as rugas;

• Melhorar a aparência da pele;

• Melhorar a qualidade do colágeno e da elastina;

• Reorganizar as fibras de colágeno e elastina;

• Melhorar a microcirculação;

• Melhorar a hidratação da pele;

• Aumenta a oxigenação;

• Acelerar a eliminação de toxinas;

Reduzir a celulite

• Combater estrias e fibroses;

• Melhorar o aspecto das cicatrizes;

• Combater a Gordura Localizada na barriga , culote, flancos, braços, papada;

• Combater a flacidez em qualquer área do corpo;

• Combater a Celulite por melhorar a firmeza da pele.

Preço da radiofrequência

O preço da radiofrequência varia de acordo com a região, mas uma região pequena como a face por exemplo, pode custar de 200 a 350 reais por sessão, e são necessárias pelo menos 5 sessões para que os resultados sejam vistos por todos.

Como é feita a radiofrequência

• Deitada numa maca, a terapeuta irá espalhar um gel específico sobre a área a ser tratada;

• Depois ela irá deslizar o equipamento de radiofrequência com movimentos circulares verificando constantemente a temperatura da região com auxílio de um termômetro a laser;

• Por fim, deverá retirar o gel e limpar a área tratada.

Contraindicações da radiofrequência

As contraindicações da radiofrequência incluem:

• Febre;

• Gravidez;

• Feridas no local a ser tratado;

• Durante a quimioterapia,

• Em caso do indivíduo possuir doenças do colágeno que o quelóide, por exemplo;

• Prótese metálica na região a ser tratada; 

• Pacemaker;

• Hipertensão arterial;

• Diabetes pela alteração da sensibilidade no local a ser tratado.

O Spectra é um dos aparelhos de radiofrequência mais utilizados.

Riscos da radiofrequência

Os riscos da radiofrequência estão relacionados à possibilidade de queimadura na pele pelo mau uso do equipamento.

Quantas sessões de radiofrequência fazer?

O número de sessões de radiofrequência a fazer vai depender dos objetivos da paciente mas os resultados podem ser sutilmente observados logo na primeira sessão.

Radiofrequência no rosto: No caso das linhas de expressão, elas podem desaparecer logo no primeiro dia e nas rugas mais espessas, a partir da 5ª sessão haverá uma grande diferença.

Radiofrequência no corpo: Quando o objetivo é eliminar gordura localizada e tratar a celulite , dependendo da sua graduação, de 7 a 10 sessões serão necessárias. Apesar de ser um tratamento estético um pouco dispendioso, ele possui menos riscos que uma cirurgia plástica e seus resultados são progressivos e duradouros.

Recomenda-se um intervalo mínimo de 20 dias entre cada sessão.

Fonte: Tua Saúde

Espero que tenho tirado todas as dúvidas, mais mesmo assim procure mais informações com sua doutora ou esteticista, sempre é bom um pouco mais de informação, antes de fazer qualquer procedimento!

Continue acompanhando o blog!

Um bjoo e fiquem com deus!Beijo

Facebook: Beatrizsachablog

Instagram: @beatrizsacha

 

Posts Relacionados!